terça-feira, 1 de outubro de 2013

COISAS QUE ME ENERVAM

Se há coisa que me enerva são textos mal escritos, erros de ortografia, erros de construção frásica, palavras mal empregues, etc. Principalmente quando se tratam de textos oficiais. A quantidade de disparates que se vêm em requerimentos, despachos, sentenças e afins por esse país fora é alarmante. Pelo menos quem escreve por profissão, deveria fazê-lo bem.
Vem isto a propósito de um requerimento para aprovação de uma propriedade horizontal, apresentado à Câmara Municipal, que tenho aqui na minha frente. Só aqui ponho a primeira página, já chega bem para se ver onde chega o desastre.


Transcrevo, tal como está escrito, com as correções da minha autoria:

"A presente memória descritiva serve de aditamento á (à) memória descritiva inicial referente ao processo nº ...., requerido pela Sra.... (é falta de educação referir-se a uma senhora como Sra., deve dizer- se a Sra. D.). O qual vem responder á (à) informação dos serviços nº...., nomeadamente ao solicitado nos pontos 3.a) e 3.b).
Face ao exposto em cima (acima) , voltamos a apresentar nova planta (se voltam a apresentar nova planta, já estão a apresenta-la pela terceira vez. Não é o caso, esta é só a segunda apresentação) de implantação cumprindo o regulamento previsto na constituição do regime de propriedade horizontal segundo (o) art. 143º-A (deve indicar de que diploma, neste caso do Código Civil), com as manchas que demarcam as fracções distintas e as zonas de circulação comuns.
Pois a apresentação anterior da descrição (,) quer em planta (,) como em testo (texto) da propriedade horizontal, (a virgula não está aqui a fazer nada) foi deduzida (quer dizer, induzida) em erro. Não se trata (tratam) de 4 fracções mas sim de duas fracções A/B, constituídas por:
. Fracção A - composta por (moradia unifamiliar; garagem, anexo/tertúlia) (uso incorreto dos parêntesis, o que está dentro dos parêntesis pode ser retirado da frase, é um aparte, neste caso devia ter usado dois pontos) (e falta a pontuação no final da frase, neste caso, ponto e virgula)
. Fracção B - (oficina) (falta a pontuação de novo)
. (não está a continuar a enumerar frações autónomas, pelo que não deve continuar a usar o.) salienta-mos (salientamos) que ambas as fracções contém (contêm) um logradouro respectivo a cada Fracção (fracção), assim como de um espaço (assim como um espaço) de uso fruto (usufruto) comum as (às) duas fracções.
As fracções A e B são Distintas (distintas) (o que se entende que estas unidades têm os seus limites claramente definidos); são fracções que possuem Acesso Próprio (acesso próprio) a cada fracção desde o acesso exterior das escadas até o (ao) edificado"
Só acrescento que é obrigatório o uso da forma de escrita aprovada pelo acordo ortográfico em documentos oficiais.
E pronto, advirtam-se!!!

7 comentários:

p rir...! estes são dos melhores! disse...

...
...
COMUNICADO DA FARMÁCIA MODERNA MINDENSE:

Informamos os nossos estimados clientes, designadamente os membros das listas eleitorais perdedoras e algumas famílias, que devido à procura inusitada esta manhã de remédios para a azia esgotámos o stock de Kompensan's.

No entanto, temos ainda um stock considerável de Rennie's ao vosso dispor.

Certos de merecer a vossa confiança.

30/9/13
...
...

Para rir II disse...

...
...
COMUNICADO DA D. ISABEL DA FRUTARIA:

Queremos informar os nossos clientes que devido ao excesso de melões no mercado nesta segunda-feira, baixamos o preço dos nossos melões em stock em 60%.

Aproveitem que isto não dura sempre.

Sempre ao dispor.
30/09/2013
...
...

o melhor de todos! disse...

...
...
No seguimento do comunicado da Farmácia Moderna e do comunicado da Frutaria da D. Isabel vimos dar conta do alerta de saúde do Posto Médico de Minde:

ALERTA DE SAÚDE:

Informamos a população que foi detectado em Minde um forte surto do síndroma do ressabio, também conhecido como ressabiamento agudo.

Os sintomas divergem de paciente para paciente. Nalguns casos há manifestações públicas, tais como explosões de desagrado súbito, declamação contínua de teorias da conspiração e também tentativas de convencimento dos ouvintes de realidades virtuais...

Aconselhamos a quem se cruze com um infectado que aceite tudo o que ele disser e lhe diga ao ouvido: tu é que tás certo; tá descansado que votei em ti...

Normalmente tem um efeito calmante. Não há remédios conhecidos para este síndroma, que normalmente passa passadas umas semanas.

A condição não é infecciosa.

Minde, aos 30 de Setembro de 2013.
...
...

Feridas disse...

Ah ah ah!!!

Anónimo disse...

lololololololololololololol

Quase que fiz xixi pelas calças abaixo.

o Comunicador Implacável IV disse...

...
...
COMUNICADO DO GRUPO DE CAFÉS, PASTELARIAS E OUTROS ESTABELECIMENTOS ABERTOS AO PÚBLICO DE MINDE

Exºmos Srºs Políticos e ajudantes de políticos de Minde e arredores,

Vimos encarecidamente rogar a V. Exªs que com o fim da campanha eleitoral em curso não deixem de frequentar todos os estabelecimentos da terra, como fizeram até aqui.

Compreendam que o facto de V.Exªs terem passado a ir a todos os cafés e pastelarias de Minde cerca de 34 vezes ao dia levou-nos a adaptar os stocks, pelo que se agora param com esse saudável hábito vamos ter um grande prejuízo.

Esperamos que isso não aconteça.

Dá-se conta que os cafés e pastelarias do Covão do Coelho declinaram participar neste comunicado, uma vez que com a campanha perderam alguma frequência de políticos nos seus cafés, o que esperam ter sido apenas momentâneo...

Certos da compreensão de V.Exªs.

A bem da nação, aos 2 de Outubro de 2013.
...
...

elisabete reis disse...

Principalmente quando se TRATA de textos oficiais